Operação prende empresário e recolhe quase 2 mil calçados roubados

Foto: Polícia Civil

Pedro Augusto

A Polícia Civil de Pernambuco desencadeou, ontem (21), em Caruaru, a Operação Cinderela. Nela, um empresário identificado como Thiago Rafael, de idade não informada, acabou sendo preso por receptação qualificada.

No imóvel do suspeito, no Bairro Universitário, a polícia identificou 1.875 pares de sapatos cuja as suas origens seriam provenientes de um roubo realizado em outubro do ano passado, em Araquari, Santa Catarina.

Os produtos têm como marca a “Sapatinho de Luxo” e estariam sendo comercializados, segundo a Civil, por familiares de Thiago, através do aplicativo WhatsAPP. O extenso volume de calçados foi avaliado em R$ 150 mil.

O suspeito passará por audiência de custódia, nesta sexta-feira (22).

 

Comments

comments