Ex-presidiário é morto à bala em Caruaru

Foto: Blog do Adielson Galvão
PUBLICIDADE

Pedro Augusto

A Secretaria de Defesa Social de Pernambuco voltou a contabilizar crime de morte em Caruaru. Desta vez, quem levou a pior foi o ex-presidiário Jandeilson Mendonça Queiroz, o “Kely”, de 34 anos. De acordo com as investigações iniciais da Polícia Civil, a vítima foi assassinada a tiros na manhã de ontem (22), na Rua 9, no Loteamento Ramiro de Souza, no momento em que se encontrava na frente de casa.

Jandeilson estava residindo em um terreiro de candomblé desde a sua saída da Penitenciária Juiz Plácido de Souza, onde cumpriu pena por um homicídio qualificado. Ele matou com requintes de crueldade, em janeiro de 2009, em Caruaru, Ciconeg de Lira Ferreira, de 33 anos. Na ocasião, membros do corpo da vítima foram encontrados em encruzilhadas espalhadas pelos bairros Santa Rosa, Rosanópolis e Indianópolis.

Segundo as investigações da Civil, Kely executou e esquartejou a vítima para realizar um ritual de magia negra. Após o levantamento cadavérico do Instituto de Criminalística, o corpo dele foi encaminhado ao IML de Caruaru.