Raffiê defende educação em último debate

PUBLICIDADE

O candidato à prefeitura de Caruaru Raffiê Dellon (PSD) esteve presente no debate eleitoral organizado pela Rádio Cidade nesta quinta-feira (12). Na ocasião, ele falou da importância do poder público dar assistência de modo mais inclusivo para todos. Raffiê também atenta o olhar para a criação de estratégias eficientes na diminuição do déficit educacional ocasionado pela Covid-19 somada à ineficiência da secretária de educação com os alunos.

“Se não existe acesso à tecnologia e à internet nas escolas, consequentemente isso afeta na educação. Não podemos deixar que se perca uma geração de estudantes que são verdadeiros talentos”, comenta. O prefeiturável irá colocar um secretário/a da educação que entenda do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), do Instituto Estadual de Desenvolvimento da Educação Profissional (Idep) e da Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa (Fundep), além de outras entidades influentes.

A partir de janeiro em 2021, o prefeiturável irá mapear primeiramente as escolas nas zonas rurais, uma vez que ele identifica a ausência de informação ainda mais latente. Segundo o Observatório da Criança e do Adolescente são cerca de 115 mil de crianças desassistidas. Além disso, Raffiê pretende expandir o cursinho popular para o campo.

“Nós precisamos observar os alunos como talentos em potencial. Eu fui estudante do Colégio Municipal em Caruaru, e quero trazer a situação das famílias para mais perto, com merenda e ensino de qualidade. Na minha gestão teremos responsabilidade educacional”, afirma.