Prefeitura de Caruaru prorroga vacinação contra febre aftosa no município

PUBLICIDADE

A Prefeitura de Caruaru, por meio da Secretaria de Sustentabilidade e Desenvolvimento Rural (SUDER), prorrogou a vacinação contra febre aftosa no município. Os criadores de Caruaru têm até o próximo dia 15 para vacinar seus bovinos e bubalinos, de zero a 24 meses. A meta desta segunda etapa, que se encerraria no dia 30 de novembro, é imunizar todo o rebanho desta idade.

O secretário de Sustentabilidade e Desenvolvimento Rural, Bruno França, reforça a necessidade da campanha. “Além de garantir a vacinação, os produtores devem declarar todos os animais de sua propriedade, inclusive os que estão fora da faixa etária da campanha. A declaração é obrigatória e deve ser efetuada até 31 de dezembro”, esclarece.

O secretário também destaca que o risco de febre aftosa impede a comercialização da carne no município. ‘É bom reforçar que quem não vacinar seu rebanho e/ou não declarar, pagará multa, ficará impedido de emitir a GTA (Guia de Trânsito Animal) e não receberá a ficha sanitária que é exigida por instituições bancárias para liberação de linha de crédito para o produtor rural”, pontua França.

A estimativa é imunizar todos os animais, na idade estabelecida. Em razão do enfrentamento à COVID-19, a SUDER tem seguido todos os protocolos de segurança, estabelecidos pelo Ministério da Saúde, para os quais os pequenos criadores devem estar atentos.

Quem ainda não vacinou o rebanho deve comparecer a Secretaria de Sustentabilidade e Desenvolvimento Rural, localizado no Bloco C, das 7h ás 13h, de segunda a sexta-feira feira, ou através do telefone: (81) 3701-1455.