Caruaru fecha fevereiro com saldo positivo em relação a empregos formais criados

PUBLICIDADE

Pelo oitavo mês seguido, Caruaru obteve desempenho positivo quanto ao volume de empregos formais registrado nos seus mais variados setores econômicos. De acordo com os números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), que foram divulgados nesta terça-feira (30), no último mês de fevereiro a Capital do Agreste acumulou um saldo de +637 postos de trabalho no comparativo entre admitidos e desligados.

O setor de Serviços, segundo ainda os dados do Caged, foi o que mais gerou empregos formais na cidade, com um volume de +325 postos computados, também no comparativo entre trabalhadores contratados e demitidos. Destaque ainda para o segmento da Indústria, que concentrou uma alta de +151 vagas criadas, indo de encontro ao desempenho do Estado, que acumulou, no mesmo mês, um saldo negativo de -6.532 empregos.

Tais números divulgados pelo Caged, de acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Economia Criativa de Caruaru, André Teixeira Filho, são reflexos da força financeira da cidade, mesmo ainda em tempos de pandemia da Covid-19. “A vocação para os negócios está no sangue dos caruaruenses e projetamos números ainda mais animadores nos próximos meses, apesar da crise gerada pelo novo coronavírus”, disse.

Mais números

No acumulado do ano, a Capital do Agreste soma +851 postos de trabalho criados em comparação entre admitidos e desligados, bem como um saldo de +1.340 empregos formais computados no intervalo de 12 meses.