Em dois meses de ações, o Grupo de Fiscalização Integrada de Caruaru visitou quase mil estabelecimentos

PUBLICIDADE

Nesta terça-feira (27), o Grupo de Fiscalização Integrada completou dois meses de intensificação das ações de combate à Covid-19 no município de Caruaru, verificando o cumprimento do novo decreto estadual. Em 60 dias, foram fiscalizados 911 estabelecimentos, desses, 88 foram notificados, e três pessoas foram conduzidas à delegacia.

O planejamento das ações envolve as secretarias de Ordem Pública, da Fazenda e de Serviços Públicos, bem como a Guarda Municipal, Procon, Ouvidoria, Autarquia de Mobilidade, Trânsito e Transportes de Caruaru, Vigilância Sanitária e a Autarquia de Urbanização e Meio Ambiente de Caruaru, além de entidades parceiras, como Polícia Militar, Bombeiro Militar e Disque-denúncia.

“A participação da população continua sendo muito importante para colaborar com as denúncias, caso observe algum descumprimento das medidas. Com a prorrogação da quarentena, decretada pelo Governo do Estado, ampliamos a quantidade de equipes de fiscalização. Seguimos atuando no centro da cidade e expandindo para os bairros mais distantes”, comentou o secretário de Ordem Pública, coronel Patrício Filho.

A população pode contribuir denunciando por meio do Disque-denúncia, pelo telefone 3719-4545 (das 7h às 19h, de segunda a sábado), ou pelo WhatsApp 98256-4545/98170-2525. Outro contato disponível é o da Ouvidoria, no número 156 (das 7h às 13h, de segunda a sexta), ou no WhatsApp 98384-5936. A denúncia pode ser feita também pelo 190 da Polícia Militar.