Caruaru ocupa a 2ª posição entre as cidades que mais geraram empregos no Estado

PUBLICIDADE

A Prefeitura de Caruaru, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Economia Criativa (Sedetec), destaca mais um desempenho importante em relação à economia caruaruense. De acordo com os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), que foram divulgados neste início de semana, a Capital do Agreste ocupou o segundo lugar no ranking dos municípios pernambucanos que mais geraram postos de trabalho formais, no acumulado de junho de 2020 a junho de 2021.

Com uma soma de +6.142 vagas, no comparativo entre admitidos e demitidos, Caruaru só ficou atrás de Recife, que, no mesmo intervalo, chegou à marca de +27.980 empregos formais contabilizados. Segundo ainda os números do Caged, Petrolina ocupou a terceira posição no ranking, com +5.438 postos, seguido por Paulista, com +4.646. Jaboatão dos Guararapes aparece na quinta colocação, com +4.365 vagas.

Além do acumulado de 12 meses, a Capital do Agreste também obteve saldo expressivo no que se refere à criação de postos de trabalho no primeiro semestre de 2021. De acordo também com o Caged, no intervalo, a cidade alcançou a soma de +1.754 empregos formais registrados. Já em relação ao desempenho da cidade referente ao último mês de julho, o número correspondeu a +375 vagas.

Conforme ressaltou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Economia Criativa de Caruaru, André Teixeira Filho, os saldos divulgados pelo Caged são reflexos da força financeira da cidade, mesmo ainda em tempos de pandemia da Covid-19. “A vocação para os negócios está no sangue dos caruaruenses e projetamos números ainda mais animadores nos próximos meses, apesar da crise gerada pelo novo coronavírus”, disse.