Veja 6 situações que apontam sinais de perda de audição

PUBLICIDADE

Controle na mão, volume da televisão “nas alturas”, dificuldade em entender o que o colega está falando, leitura labial durante o diálogo. Esses são alguns dos pontos que expõem sinais de perda auditiva. Mas por que isso acontece?

Segundo a médica otorrinolaringologista do Hospital das Clínicas Nicole Cardoso, existem várias causas que podem comprometer a audição. “O envelhecimento, por exemplo, causa alterações em nosso corpo. Medicações ototóxicas ou doenças crônicas como diabetes, hipertensão, podem ocasionar perda auditiva”, detalha.

Segundo a médica, existem alguns tipos diferentes de perda auditiva, que pode ser causada pela secreção de otite, perda ocasionada por ruído, entre outras formas. No entanto, ela afirma que, em alguns casos, há como reverter a perda.

Para pacientes que trabalham em um ambiente muito ruidoso, quando há perda auditiva, não há como reverter, explica Nicole. “No entanto, se deixar de se expor, a pessoa evita de progredir a perda”, acrescenta.

De acordo com a doutora, naturalmente as pessoas começam a perder a audição por volta dos 55, 60 anos de idade. A médica ainda explica que a perda auditiva é o principal fator para o quadro de demência em idosos “Com um diagnóstico precoce e reabilitação, com aparelho auditivo, é possível evitar demência em pacientes idosos”, diz.

Ainda segundo Nicole, é preciso evitar a exposição frequente ao ruído. Para quem tem doenças crônicas, se alimentar corretamente e praticar atividades físicas deve ajudar para que a audição não seja tão prejudicada.

Conheça 6 situações, que mostram sinais de perda auditiva:

1. Percebe dificuldade para entender o que outros estão dizendo;

2. Pede às pessoas que repitam o que diz com frequência;

3. Se esforça para ouvir em lugares lotados com ruídos de fundo;

4. Percebe que outras pessoas estão murmurando ou não falam claramente;

5. Assiste à televisão em um volume mais alto do que os outros;

6. Percebe um zumbido nos ouvidos

Folhape